sexta-feira, 15 de fevereiro de 2008

Desafio aceite

Pois é, recebi esta semana um desafio virtual! A Manuela, do blog Simplesmente Manuela, depois de responder ao desafio resolveu lança-lo também a mais sete amigos. O Inconfidências foi um deles e eu resolvi aceitar, pois achei interessante. O desafio consta em resumir a nossa vida para que, quem nos visita fique a conhecer um pouco mais de nós. Então, aqui vai...


1. Nasci em Luanda, alguns dias depois de o Homem ter ido à Lua. Vá lá, vejam se sabem o ano...

Durante seis anos fui filha única, tive toda a atenção a que tinha direito. Era a boneca lá de casa. A minha mãe conta que, branquinha e de cabelo muito loiro, todos me davam colo e muito mimo.

Era uma criança bem disposta, muito traquina e são muitas as histórias das "malandrices" que fiz.
Depois, com a minha irmã ainda muito bébe, os meus pais resolveram regressar a Portugal. A guerra em Angola, destruiu a paz, a esperança e os sonhos de muitas famílias. Da minha também. Durante muito tempo, foi difícil começar tudo de novo. A força e a determinação dos meus pais foram fundamentais para o recomeço.


2. Tive uma infância muito feliz. Tive a sorte dos meus pais serem do Alto Minho e cresci entre o verde dos campos e das montanhas minhotas, ao sabor de costumes e tradições, folclore e, muita festa. Passei a minha adolescência e juventude, entre os livros da escola, o verde dos campos, as tarefas e os afazeres de casa, os romeiros, as poesias e sonhos, muitos sonhos. Acordava de madrugada, percorria quilómetros até à escola, voltava já de noite e, fins de semana e férias eram de trabalho, umas vezes ao lado do meu pai, nos trabalhos agrícolas, outras ao lado da minha mãe, nas lidas domésticas. Inventava musicas com a minha irmã, cantávamos alto, nas escadas de casa ou empuleiradas nas cerejeiras, fazíamos rimas, ríamos e inventávamos histórias.


3. Casei no dia em que fazia 21 anos. Desde aí, nessa data, tenho sempre duas comemorações, duas festas, duas prendas. Este ano, já fazemos 18. E, nestes anos todos, temos dividido tudo, tristezas, alegrias, e já vivemos muito, muitas emoções, risos e lágrimas, sonhos e projectos. Enfim, como todos os casamentos: zangas, reconciliações, dias de chuva e dias de sol. Temos três filhos lindos!! Três rapazes: o mais velho vai fazer 16 anos não tarda nada, o do meio, este ano já faz 10 e, o mais pequenino, faz 19 meses na próxima semana. São o Sol das nossas vidas, são eles que aquecem os nossos dias, que nos fazem sonhar acordados.


4. Uns dias depois de ter casado, iniciei outro projecto da minha vida. Durante quatro anos, entre noites mal dormidas, dias a correr, muito trabalho, esforço e dedicação, tirei a minha licenciatura em Gestão de Recursos Humanos e Psicologia do Trabalho. Exerço a minha profissão com prazer. Gosto muito do que faço. Além de gestora de recursos humanos, sou também formadora, actividade que me dá muita satisfação e realização pessoal. Há dois anos, grávida do meu terceiro filho, voltei à faculdade, para fazer uma pós graduação em Direito do Trabalho. Acho que um dia destes vou voltar mais uma vez. Já tenho saudade dos bancos da escola.

Bom, acho que respondi ao desafio. Agora, é tempo de desafiar...
Vá lá, amigas, agora é a vossa vez... coragem!

Aninha
Ana Scorpio
Isis Morgana
Ju
Mary

3 comentários:

Anónimo disse...

Querida amiga,aceitei o desafio,depois passe lá para ver. o seu cantinho está lindo.beijo Mary

isis morgana disse...

Oi amiguita! Vou aceitar o desafio sim! Talvez amanhã consiga tratar disso!
Aproveito para pedir desculpa pela minha ausencia, mas tenho tido o pequenito doentinho, já há três semanas! Parece que agora está a melhorar...
Beijossss

rosamaria disse...

alto minho?
se calhar ainda somos "primas"!...
a minha avó era de arco de baulhe - cabeceiras de basto.
besitos e um bom domingo (apesar da chuva q se avizinha)
rosamar